Copyright 2019

Especialista em CARROS

Todos os direitos reservados

(47) 99193-2323

 

especialistaemcarros@hotmail.com

Atendemos Litoral Norte e

Vale do Itajaí, Santa Catarina.

Consulte para outras regiões.

WhatsApp-icone-3.png

A importância da posição de dirigir

22/07/2015

Hoje o Especialista em CARROS aborda um assunto de suma importância para a segurança no trânsito, mas que é totalmente negligenciado pelas autoescolas e autoridades de trânsito.

 

Ai você se pergunta: mas por que posicionar-se de maneira incorreta seria tão perigoso ao dirigir um automóvel?

 

Abaixo listaremos alguns motivos para você estar mais atento à correta posição de dirigir:

 

Muito próximo ao volante

 

Como a própria figura mostra, o motorista muito próximo ao volante perde agilidade para movê-lo de forma rápida e precisa, por estar com os braços muito flexionados. Isso pode ser fatal numa manobra para evitar um acidente.

 

Em carros dotados de airbag, sentar-se muito próximo ao volante representa um alto risco de sofrer fraturas graves no rosto. O dispositivo é acionado numa velocidade altíssima, e estar na posição errada pode resultar na quebra de dentes e nariz. Se você usa óculos pode até ficar cego por estilhaço de vidro decorrente da quebra dos óculos.

 

Por estes motivos, a distância recomendada entre o rosto e o volante é de 25 e 30 centímetros.

 

Braços muito esticados

 

Esta posição é comum em motoristas mais jovens, que gostam de dirigir com os braços muito esticados, sentados longe demais do volante. Acham que motorista bom é aquele que dirige “deitado”, mas esquecem da segurança.

 

Essa posição não é recomendada porque, além de prejudicar a eficácia do airbag, aumenta o risco de lesões graves no fêmur, bacia e joelho. Também porque sobrecarrega os músculos das costas e dos ombros, gerando fadiga precoce e dores, dificultando ainda o ato de girar o volante com precisão e suavidade.

 

Posição correta

 

A posição correta é aquela em que os braços ficam levemente flexionados, com as costas totalmente apoiadas no encosto. Para confirmar a distância, com os braços esticados sobre o volante, você deverá encostar os punhos na parte superior do aro.

 

Já a distância do banco em relação aos pedais deve ser aquela que permita aos joelhos não ficarem nem esticados e nem dobrados demais quando você pressiona os pedais da embreagem e do acelerador até o final.  A altura dos joelhos deve ser a mesma do quadril.

 

Ajuste o apoio de cabeça até que a linha dos olhos fique bem na metade do encosto. De preferência não dirija com a cabeça apoiada no encosto, e sim deixe uma folga de três dedos, para que em caso de acidente ele absorva o impacto com maior eficácia.

 

O cinto de segurança deve ficar bem no meio do ombro, nem perto demais do pescoço, pois em caso de batida pode enforcar o motorista, e nem muito na extremidade do ombro, pois pode escapar para o lado.

 

Os retrovisores laterais devem ser ajustados de modo que você veja o mínimo possível da lateral do seu carro, ou seja, até 10% da área total do retrovisor, pois assim você diminuirá ao máximo os pontos cegos.

 

O retrovisor central deve ser ajustado da forma que o vidro traseiro fique bem no meio do espelho.

 

E aí, da próxima vez que você for dirigir, prestará mais atenção a sua postura ao volante?

 

Please reload

Notícias em Destaque

Carro autônomo: você ainda vai ter um?

1/8
Please reload

Busca por Categoria
Please reload

Busca por Título
Please reload